APL Pós-Colheita

APL Pós-Colheita
acitec@acipanambi.com.br
(55) 3375-9350

27/ 10/ 2015 | 7ª TECNOPÓS

A 7ª Edição da Tecnopós, realizada entre 20 e 22 de Outubro, no Campus Panambi do Instituto Federal Farroupilha, apresentou as inovações tecnológicas das empresas do APL Pós-Colheita de Panambi e região. Com a programação dividida em quatro blocos diferentes de atividades, o evento contou com a presença de mais de 300 participantes, que constituem um público segmentado que atua de forma direta ou indireta no segmento do pós-colheita e do agronegócio.

No Seminário Nacional de Inovação Tecnológica e Empreendedorismo destacou-se a necessidade de investimentos no Brasil em tecnologias para armazenagem de grãos, tanto no âmbito governamental quanto no privado. Segundo o professor e pesquisador Tetuo Hara, da Universidade Federal de Viçosa, apenas 13,6% das propriedades no Brasil possuem capacidade estática de armazenagem de grãos, demonstrando que o país não tem acompanhado sua produtividade crescente de grãos, sendo a ampliação da armazenagem uma necessidade técnica e econômica a ser sanada com urgência. Temáticas como a produção, secagem e o beneficiamento de sementes, o manejo em unidades armazenadoras e as micotoxinas e pragas em grãos armazenados foram abordadas em painéis específicos durante o evento, que também contou com a palestra do consultor Carlos Cogo, que abordou as tendências do mercado agrícola para a próxima safra. Nesse sentido, o também palestrante Paulo Morceli, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), destacou a expectativa para a safra 2015/16, afirmando que “o produtor que se preocupar com os custos e gerenciar bem sua produção certamente chegará ao final da safra com boa produtividade”.

A Rodada de Negócios, organizada pelo SEBRAE, reuniu sete empresas compradoras, de âmbito nacional, e 45 empresas vendedoras de produtos, serviços e tecnologias demandadas pelas empresas compradoras, constituindo-se em um momento de negociação direta para as empresas locais. Já o Tecnotour demonstrou ser uma oportunidade para que as empresas recebessem seus potenciais clientes, estabelecendo uma relação direta com o público comprador e também abrindo possibilidade para o desenvolvimento de futuras parcerias.

A Mostra Tecnológica da Indústria Pós-Colheita, que contou com 26 stands expositores, mais uma vez reforçou ser um momento para a troca de informações e geração de conhecimentos sobre tecnologias e produtos para armazenagem de grãos e sementes, na qual as empresas presentes “puderam apresentar aquilo que melhor fazem, tanto na oferta de serviços como de produtos”, constatou Hardi Reinke, presidente da AICTEC, atingindo especialistas, autoridades e instituições que atuam com assuntos ligados à pós-colheita e ao agronegócio.

Para o Campus Panambi do Instituto Federal Farroupilha, o evento reforça o compromisso da instituição no apoio ao Arranjo Produtivo Local metalmecânico pós-colheita e também com a atualização e capacitação da comunidade regional para uma atuação qualificada e responsável, num segmento do setor produtivo primário que está em ampla expansão, que é o pós-colheita.

A 7ª edição da Tecnopós foi uma realização da Associação Brasileira de Pós-Colheita de Grãos - ABRAPOS, Associação Centro de Inovação Tecnológica – ACITEC, do Arranjo Produtivo Local Metalmecânico Pós-Colheita de Panambi e Condor, do SEBRAE e do Instituto Federal Farroupilha campus Panambi, que também sediou o evento. A próxima edição do evento será em 2017, em data e local que serão informados via site do evento - www.aplposcolheita.com.br/tecnopos




© 2017 - APL Pós Colheita